SintPel

Papeleiros garantem data-base e definem calendário de negociações

Papeleiros garantem data-base

e definem calendário de negociações

 

Na primeira rodada da campanha salarial do setor do papel, realizada nesta quinta-feira, 27 de setembro, em São Paulo, foi garantida a data-base da categoria e definido um calendário que assegura cinco rodadas de negociações, sempre para as quartas-feiras, em São Paulo. A informação é do presidente do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias do Papel, Papelão e Cortiça de Piracicaba, Francisco Pinto Filho, o Chico, que participou desta primeira rodada, quando ficou estabelecido, também, que na próxima rodada o empresariado deverá apresentar uma contraproposta para o acordo. Os diretores do Sintipel Nivaldo Carletti, Sérgio Gonçalves e José Maria Rodrigues também participaram deste primeiro encontro. 

Os papeleiros têm data-base em primeiro de outubro, somam cerca de 50 mil no Estado e aproximadamente 1.700 na base do sindicato local e de acordo com Chico, já neste primeiro encontro o empresariado colocou obstáculos, mostrando que não tem a intenção de atender todas as reivindicações da categoria. “Isso reforça a necessidade de ampliarmos a mobilização na categoria para que tenhamos força nas próximas rodadas, porque com certeza eles irão chiar ainda mais com o avanço do processo de negociação”, ressalta o presidente do sindicato.

Os trabalhadores do setor reivindicam nesta campanha salarial reajuste salarial global de 15%, incluindo reposição da inflação e aumento real; piso salarial de R$ 1.600,00; redução da jornada de trabalho para 40 horas semanais, sem redução salarial; adicional noturno de 60%; horas extras com 100%; cesta de alimentos de R$ 250,00; 14ª salário; fim da terceirização e precarização, além da implantação de programas de desenvolvimento sustentável e de qualificação profissional na cadeia produtiva do papel, com trabalho decente e remuneração justa com igualdade de oportunidades.

PRÓXIMA RODADA – No dia 3 de outubro, às 10 horas acontece a próxima rodada do setor do papel, enquanto que às 15 horas do papelão ondulado (embalagens), ambas em São Paulo.

 

 Vanderlei Zampaulo  - MTb-20.124

28/09/2012
Facebook Twitter

Jornal do Papeleiro

Manual de segurança e saúde

Em assembleia é aprovada a previsão orçamentária de 2021 do

Em assembleia é aprovada a previsão orçamentária de 2021 do

...

01/12/202001/12/2020
Sintipel solicita ao Cerest vistoria nas câmeras de vigilância da

Sintipel solicita ao Cerest vistoria nas câmeras de vigilância da

...

08/06/202108/06/2021
Assembleia analisa e aprova contas do Sintipel

Assembleia analisa e aprova contas do Sintipel

...

01/07/202001/07/2020